Você sabia que é possível fazer marketing digital dentro do código da OAB?

O marketing de conteúdo jurídico é permitido quando os textos são feitos de caráter informativo que acabam levando o leitor à consulta ou contratação do profissional jurídico destacado.

É uma forma menos comercial de atrair e conquistar a confiança dos clientes.

Segue a mesma linha do marketing político onde a propaganda direta é proibida, mas a divulgação de ideias não.

Falar sobre assuntos jurídicos através de conteúdo diversificado e interessante como textos, infográficos e vídeos, é uma forma eficiente de construir uma base de leads (oportunidades de negócio).

A garantia de efetividade está em acertar o público alvo, a persona que se alinha com as áreas jurídicas de cada profissional.

O marketing de conteúdo digital cria um elo de confiança, fideliza os clientes e ajuda na construção da reputação como autoridade profissional.

 

Veja algumas práticas importantes que devem ser levadas em conta para obter um bom resultado:

– Ter um site responsivo e apresentável;

– Estar presente nas redes sociais com foco no seu segmento;

– Estabelecer conexões com os seguidores e saber as suas dores.

 

Veja alguns erros frequentes que devem ser evitados:

– Usar as mídias digitais para falar de si mesmo e do seu escritório, e não dos problemas e questões relevantes ao público;

– Não produzir conteúdos relevantes, que resolvam problemas reais de clientes potenciais;

– Uso de linguagem técnica e jargão profissional pouco acessível aos clientes potenciais.

A Multiforma trabalha há mais de 10 anos na produção de conteúdo e gestão e marketing digital para advogados, trabalhando com grandes escritórios de Porto Alegre.

 

Saiba mais sobre o assunto acessando: Código de Ética da OAB e publicidade online

Quer receber gratuitamente em seu email mais conteúdos como esse?

receber-material
WhatsApp